Em que pensas quando adormeces?


Hoje olhei para as estrelas e contei-lhes tudo. Contei-lhes como me sentia.
Estou aqui a pensar em ti. Estou aqui a sonhar contigo. Estou aqui sem conseguir dormir e sem te ter por perto de mim.
Pensar em ti, é tudo o que eu preciso. Pensar em ti para te sentir mais perto de mim.
Adormecer pode ser um sonho. Adormecer pode ser uma tortura. Adormecer pode ser qualquer coisa, quando secretamente sonhas com quem te deixa saudades no peito e acordas com ou sem qualquer efeito.
Todas as noites um sonho. Todas as noites uma saudade. Todas as noites o mesmo sonho. Todas as noites a mesma saudade.
Somos um. Somos apenas um. Adormecemos no nosso sonho. Adormecemos na nossa saudade. Adormecemos com um sentimento, para acordamos com a mesma saudade.
São dias, são noites que passam. São sonhos que ficam, são saudades que não passam.
Um dia chegamos muito longe, longe demais para desistir do que somos. Podemos desistir de muita coisa, mas nunca podemos desistir daquilo somos e daquilo que sentimos. Podemos deixar ir sem nunca desistir. Sentir é bonito. Sentir faz-nos sonhar. Sentir faz-nos manter vivos. Para um dia voltar a amar. E daqui por dez mil anos, irei gostar de ti?
Sim! Enquanto sentir, irei gostar de ti para sempre.

Adormeço contigo, sonho contigo e acordo contigo. Será que já te disse tudo isto? Será que já te disse o quanto penso e sonho contigo?
Se ainda não te disse, digo-te agora. Ficas a saber agora o quanto ocupas dentro de mim! Estou sempre aqui contigo, ainda que aqui não estejas. Estou aqui a sonhar contigo. Estou aqui a esperar por ti. Por isso sim! É sempre em ti que penso.
O amor é ir além das forças ainda que faça doer. Mas se dói, é porque é sentido e desejado.
O amor é achar em nós uma coragem imensa e intensa que nem nós próprios sabíamos existir. É sonhar e adormecer. É desejar e amar. É querer e tocar. É acordar e sorrir.
Deixa que a noite liberte os teus sentimentos e ser a tua conselheira.

A noite chega e eu sem dormir. O sono alega que o sonho veio para me distrair.
Noites longas. Noites companheiras da solidão. Noites que se prolonga no meio desta escuridão.
Este coração solitário que passa as noites em claro e sem dormir, deixando o desejo de conduzir-me e envolvendo os meus pensamentos em ti pela noite dentro.
Como em todas as outras noites, vai voltar a custar a adormecer! Como em todas as noites, as saudades vão continuar a aparecer! O pensamento leva-me para ti, está totalmente concentrado em ti. Como seria bom estar contigo! Como seria bom adormecer contigo! E amanhã, como será no dia de amanhã?
Dizem que o sono é reparador. Mas quando não se pode comandar o que não é comandado, fica complicado e sem se saber o que virá, só de manhã saberás se te lembrares. Só de manhã será um novo dia. Um novo dia para acontecer e uma nova noite a manter o difícil adormecer.

A noite cai e o sono que não chega. A noite insiste em distrair os meus pensamentos, de quem me aconchega.
Horas escuras de solidão. Horas de tortura que invade a minha alma. Horas que sufoca o meu coração. Horas que podem ser um trauma.
Na tortura da noite fico a pensar no meu amor.
Fico a sonhar em ter os teus braços envolvidos em mim.
Sentir o teu corpo envolvido no meu. Só o teu corpo sabe bem como me seduzir!
Sentir o calor ardente dos nossos corpos colados.
Olhar para ti e sentir que só tu consegues fazer a minha vida reluzir.

Vou adormecer a pensar em ti,
Vou adormecer contigo.
Vou adormecer a querer-te aqui,
Para que tu também sonhes comigo.

Partilhem, comentem e sigam-me também nas minhas redes sociais:

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s