Não deixem o medo negar a vossa felicidade


O medo e a felicidade são dois estados emocionais do ser humano. O medo conquista-nos e a felicidade somos nós que a conquistamos.
O medo é uma emoção natural de um estado de alerta para um eventual receio de perigo ou ameaça. O medo protege-nos de eventuais dissabores e perante essa proteção não nos permite a entrada ou a busca da felicidade. A felicidade descuida mais a proteção e busca mais aqueles instantes, aqueles momentos que não se podem perder, nem de deixar de os viver. A busca da felicidade, é uma busca do imprevisível que permite correr riscos que o medo tenta evitar ou limitar que os corremos. Um q.b. entre o medo aceitável (aquele que nos permite a felicidade) e a felicidade, é o equilíbrio essencial para que nada nos impeça de correr e lutar pela nossa felicidade.
Ser feliz é correr riscos. Impossível é ser feliz sem os correr!
O amor e a felicidade conquista-se nos riscos que corremos e nas lutas que travamos. O nosso bem-estar depende disso!
Amar faz bem ao corpo, à alma e ao espírito.
Muitas pessoas têm medo de amar e serem amadas. Têm medo de lutar e correr riscos que o medo não aceitável (aquele que nos impede a todo custo de sermos felizes, aquele que nos prende e nos impede de lutar) não permite lutar para ultrapassá-lo.
A vida ordena que não deixem o tempo passar, nem perderem a coragem de pelo menos tentarem lutar para serem felizes. A vida é quem sabe e melhor ordena!
É nos momentos mais difíceis que o desejo é aumentado. É nesses momentos que o amor tende a fluir devido àquela circunstância de dor, mas, na verdade, é na fé que está sempre lá. Se não houvesse fé, jamais haveria prece ou receio da perda!
Nunca é tarde para serem felizes e deixarem o amor comandar.
O amor comanda a vida e a vida comanda o amor e a felicidade!
Que amem agora! Que demonstrem agora! Não esperem. Lutem! Que deem flores agora para poderem sentir o perfume e amarem as suas cores! Que façam carinhos para poderem sentir o toque! Que se divirtam para fazerem sorrir!
A vida é uma roda. É uma roda que gira, gira e vai girando e seguindo o seu curso normal, mas de repente num sopro tudo pode mudar, pode mudar todo o seu curso para sempre de forma irremediável.
Não deixem para amanhã o que pode ser feito hoje! Tentem ser felizes todos os dias nas e com as pequenas coisas! Um sorriso, um pôr do sol, um amo-te, um gosto de ti, um gesto de carinho a quem dele precisa!
A felicidade depende de nós. O medo não.
Sejam felizes sem medo da felicidade!

Partilhem, comentem e sigam-me também nas minhas redes sociais:

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s