Um sonho


O céu estava limpo, o sol aproveitou para brilhar incessantemente. Naquele dia tudo podia acontecer, transformar os dias cinzentos em dias coloridos, olhar o mundo com outros olhos, passear à beira-mar e sentir a suave brisa na cara, sentar num banco de jardim e ver as flores desabrocharem e as borboletas sobrevoarem a cabeça, era um cenário lindo. O tempo passa, o anoitecer chega devagarinho à medida que o sol se põe por trás das montanhas, o céu fica pintado em cor de fogo. A primeira estrela aparece no céu para a poderem observar todo o seu brilho e todo o seu esplendor. No momento mais puro, mais lindo, mais belo, acordei e reparei que tudo não passava de um sonho, de um belo e bonito sonho, um sonho que por vezes é melhor que uma boa verdade de uma realidade oculta.
Um bom sonho pode desengatilhar uma vida cinzenta, numa vida recheada de cores, felicidade e realizações.

Este texto foi retirado do livro “Amores Clandestinos”, pág. 12

Partilhem, comentem e sigam-me também nas minhas redes sociais:

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s