Amar não é um vício


Amar não é um vício, mas morre-se com overdose de amor!
Amar não é um vício. Amar é sacrifício.
Amar não é um negócio. Amar é sacerdócio.
Amar não é discriminar. Amar é iluminar.
Amar não é constrangedor. Amar é enriquecedor.
O amor não é apenas um sentimento! É o sentimento em maior quantidade.
O amor é um mar de sentimentos e um rio de sensações.
O amor é um porto de abrigo e uma muralha para proteger e guardar quem dentro dele vive.
O amor não é fácil de falar ou de explicar. O amor sente-se! E não há palavras que o conseguiam descrever na sua verdadeira essência.
O amor é aquele sentimento nobre, é acolhedor e protetor. É um regozijo de sentimentos, de sensações, de arrepios… é um estímulo do corpo através da mente, do olhar, do sorriso, da vontade de acariciar, de estar junto…

O amor é simples e tão complexo ao mesmo tempo.
O amor é tanto! O amor é muito mais. É uma base sólida para que o companheirismo, a confiança mútua e a intimidade, eleve o relacionamento para um nível de maturidade cada vez maior e melhor.
A melhor maneira de vivenciar esta experiência do amor, é envolver-nos verdadeiramente para fazermos o outro feliz e não somente para nos satisfazermos.
Afinal o amor não é amar para sermos recompensados! O amor é dedicação, cumplicidade, determinação, esforço e empenho.

Às vezes sinto que estou a deixar o tempo passar. A deixar que o amor escorregue por entre os dedos das minhas próprias mãos. Mas quando o vejo à minha frente e o olho nos olhos, sinto-me verdadeiramente nas nuvens. Mas eu não me contento apenas só com as nuvens. Quero o céu! Quero o universo. Porque quando quero, quero tudo! E não é pedir demais. Afinal quem gosta de pedaços ou de metades?
Eu quando quero, quero tudo. E quando quero tudo, quero tudo por inteiro!

O amor é muito mais complexo. É uma junção de pequenas coisas, de pequenas atitudes, de momentos e de emoções.
Amar é entregar-nos por inteiro de corpo e alma. É aprender e também ensinar o outro na procura da felicidade. É encontrar dentro de nós a felicidade que tanto procuramos e encontramos quando vamos ao encontro do outro!
Amar faz bem a quem ama e a quem é amado!
Amor é saúde!
Amor cura e salva.
Há quem diga que o amor é uma montanha-russa!
Mas o amor não é uma montanha-russa de sentimentos! Esta montanha-russa tem outro nome: chama-se paixão!
O amor tem mais a ver com a sensação de paz, leveza na alma e a felicidade plena.
Amar não é um vício!
Amar é paz!

Partilhem, comentem e sigam-me também nas minhas redes sociais:

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s