Amor não se impõe, conquista-se


Com o Amor não se brinca. Podes brincar com quase tudo, mas nunca brinques com sentimentos e muito menos quando um desses sentimentos é o Amor!
O Amor não se impõe, nem se impinge. O amor respeita-se e conquista-se. O respeito é o ponto-chave da confiança, da amizade e do amor. Se não houver respeito, não existe amor!
O Amor não impõe uma sentença, ele não é egoísta. O Amor preocupa-se, confia e respeita-nos como somos verdadeiramente. O Amor não é uma farsa, nem uma marioneta nas mãos de alguém. O Amor é uma das coisas mais bonitas que existe no mundo (é o que de melhor o mundo tem). Mas quando é partilhado por ambas as partes, quando ambos os lados caminham e quando eles se respeitam todos os dias no presente, o futuro só pode ser risonho.
Não se ama no passado, nem ama no futuro. O tempo certo para amar é no presente e esse tempo é o agora. É este o momento certo para amar.
Ama, mas ama sempre no presente, porque cada dia que passa, é dia para amar. Se fores amar em cada dia que vives, todos esses dias serão o presente de cada dia. Assim como o passado já foi presente. O futuro chegará um dia a ser presente também, mas só será presente se amares todos os dias no presente!
O Amor não se pede. O Amor não se obriga. E jamais o Amor se implora. O Amor quando for para acontecer, simplesmente acontece!
Quem ama quer estar ao pé, mesmo que a distância geográfica o impeça, jamais conseguirá nas distâncias íntimas e afetivas, porque quando muito se quer nada o impedirá, seja de dia ou de noite.
Quando se ama, ama-se e tudo é mais bonito. Gostamos da companhia, dos abraços, dos carinhos… enfim de tudo.
Quem ama não precisa de tempo, nem de espaço. Quem ama não precisa fugir, ou fingir. No amor tornam-se cúmplices, não disputam a razão, respeitam-se. Eles encontrarão sempre a sintonia certa. Assim é o amor!
Temos que nos valorizar mais e aprender deixar as coisas acontecerem naturalmente, quando isso acontece tudo fica tão mais bonito. Valoriza quem te valoriza, o resto só te valoriza porque precisa.
O tempo traz tudo, coisas boas e coisas más. Umas vezes por culpa nossa, outras não.
E quanto tempo, quantas horas, quantos minutos, quantos segundos e milésimos de segundo são desperdiçados com quem não merece a nossa atenção, companhia, amizade… Mas não aprendemos com pessoas da mesma sintonia. As pessoas mais complicadas são as que nos ensinam e com quem a gente aprende!
O tempo é curto e não sabemos o tempo que nos resta, pois, ele é relativo.
O amor acontece naturalmente!
Quem te Ama e quem te quer ao seu lado, move montanhas para estar perto de ti. Sobretudo, quem ama entrega-se de corpo e alma, porque quando se ama todo o resto flui naturalmente.

Partilhem, comentem e sigam-me também nas minhas redes sociais:

2 thoughts on “Amor não se impõe, conquista-se

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s