Domingo de Ramos em casa


O Domingo de Ramos é uma festa móvel, que se celebra no domingo anterior ao Domingo de Páscoa.
Nesse dia, que não é feriado e marca o início da Semana Santa, comemora-se a entrada de Jesus Cristo em Jerusalém, onde ele foi aclamado por multidões como o Filho de Deus.
Nessa ocasião, as pessoas receberam Jesus abanando ramos de oliveira e palmeira, os quais representam a vitória de Jesus, um rei humilde que entra na cidade montado em um jumentinho, o qual além da humildade, representa a paz, o inverso do cavalo, que remete à guerra.

Tradições do Domingo de Ramos
Como forma de lembrar a data, os católicos costumam levar ramos para a missa para serem benzidos. Também é comum encontrar-se ramos de palmeiras colocados em forma de cruz nas igrejas e nas ruas.
Outra tradição do Domingo de Ramos é o costume de os afilhados oferecerem flores ou ramos aos seus padrinhos e madrinhas, os quais, no domingo seguinte, retribuem o gesto com o “folar”, isto é, como a prenda da Páscoa.

Procissão do Domingo de Ramos:
No Domingo de Ramos realizam-se procissões de norte a sul de Portugal, com diversas paragens, retratando-se a Paixão de Cristo.
Autênticos mares de flores são preparados para a procissão passar, tornando este evento numa grande atração para as famílias e para os turistas.

Domingo de Ramos em casa
Nenhuma celebração da Semana Santa este ano poderá ter a presença de fiéis nas igrejas. Mas não é por isso que as solenidades deixarão de ser especiais
A celebração do Domingo de Ramos, que este ano é a dia 5 de abril, será diferente, mas não menos especial para os católicos. A pandemia do coronavírus fez com que todas as celebrações e procissões públicas fossem canceladas em várias partes do mundo. As Igrejas também não contarão com a presença física dos fiéis nas solenidades da Semana Santa e Páscoa. A medida visa evitar a aglomeração de pessoas e a possível transmissão da Covid-19.

5 recomendações para o Domingo de Ramos:

  1. Rezar pedindo a graça de bem viver a Semana Santa, ainda que em recolhimento em casa;
  2. Colocar no portão ou na porta de casa (em lugar bem visível) alguns ramos. Marcar a casa é uma característica do povo de Deus;
  3. Participar das celebrações transmitidas pela televisão ou pelas redes sociais;
  4. Comprometer-se a, no futuro, participar ativamente da Coleta da Campanha da Fraternidade. Com ela, ajudamos os mais pobres;
  5. Motivar pelas redes sociais, telefonemas ou outros meios que mantenham o distanciamento social, outras pessoas a também celebrarem o domingo de Ramos desse mesmo modo.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s