As minhas borboletas


As minhas borboletas ficam doidas quando te vêm ou quando ouvem a tua voz.
As minhas borboletas esvoaçam tontas sem parar, não têm descanso e não adormecem. Não só ficam acordadas, mas em estado de alerta. Se estou contigo, dançam de alegria e se não estou, fazem uma dança da chuva para te chamar.
O segredo não é cuidar das borboletas e sim cuidar do jardim para que elas venham até nós.
Eu gosto de sentir as borboletas. Elas são puras, lembram liberdade, felicidade, beleza e beleza de pensamentos. O pior é quando te fazem prender as borboletas e depois simplesmente abrem a gaiola e as soltam.
O segredo é aproveitar o momento e não criar expectativas para o futuro!
Deixar que as borboletas voem. Borboletas engaioladas, ficam condenadas à infelicidade. Borboletas soltas, são sentimentos, desejos e sonhos da mais pura felicidade.

As minhas borboletas
As minhas borboletas

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s